simplesmente delícia

19 de maio de 2013

  • Eu não sou uma pessoa que tem 1001 utensílios na cozinha. Você provavelmente não vai encontrar ali a ultima geração (ou a primeira) daquele utensilio de descascar alho, ou um objeto incrível alemão para picar cebola ou um cortador japonês de gema de ovo. Outro dia soube que tem uma maquina alemã de fazer sushi e fiquei devidamente fascinada. Acho que por isso resisti tanto tempo antes de comprar meu primeiro mixer, há uns quatro anos atrás. Achava, erradamente, que não servia para grandes coisas, que aquele era um utensilio que não mudaria minha maneira de cozinhar. Mas fiquei feliz de estar errada. Minha vida pós-mixer melhorou e um Mundo novo se abriu. Ok, também não precisa exagerar Flavia, mas fez uma agradável diferença.
  • Eu comecei a usa-lo para triturar sopas, para quebrar tomates em lata, para fazer milk-shakes para filhos carentes, para homogeneizar cremes e molhos. E há algum tempo, para fazer maionese.  Maionese feita em casa é um Mundo à parte, algo que não tem nada em comum com a versão industrial tão consumida por aí. Se você ainda não fez, prepare-se para se apaixonar e ter dificuldades sérias em voltar a consumir a versão plastificada, quer dizer, a versão industrial.
  • São 60 segundos no mixer. Vamos lá:
  • ingredientes

  • 2 ovos orgânicos ou caipiras, à temperatura ambiente
  • 1 ¼ copos de azeite de oliva extra-virgem
  • Sal
  • Suco de ½ limão aproximadamente
  • modo de preparo

  • 1.       Ponha a medida de azeite em um copo. Ponha os ovos em outro copo grande e alto, aonde o mixer possa trabalhar. Ligue o mixer e bata os ovos até formar um creme, por 10 segundos. Aos poucos adicione o azeite, mixando sem parar . ‘Mixando’ existe? Bem, vocês entenderam né. E mixando (se não existe, acabei de inventar essa palavra) adicione o resto do azeite aos poucos, bem devagar mesmo, para dar tempo da maionese engrossar. Quando você tiver adicionado a metade do azeite, pare o mixer, salgue a gosto, adicione suco da metade de um limão e continue a mixar até a maionese estar no ponto. De novo, é muito rápido, sessenta segundos. Ajuste o tempero com mais sal e limão se necessário..
  • 2.       Se ao contrario de mim, você adora alho e quer fazer um aioli (maionese de alho típica do sul da França), retire os germens de 2 ou 3 dentes de alho, pique o alho e triture bem com os ovos, antes de adicionar o azeite. Prossiga como para a maionese simples.
  • 3.       Outras ideias para variar a maionese: mostarda, presunto (picar bem o presunto antes de tritura-lo com os ovos), e  temperos como curry, cúrcuma e açafrão (fica uma delicia!).
Outra Boa Ideia: Salada de frango e Mangas com molho de Curry

 

9 comentários

  1. Evelyn disse

    19 mai 2013, 9:00 pm

    Maionese: de vilãs a suprassumo de qualquer sandubinha maroto! rs

    Experimente saborizá-la com um pedaço de alho assado ou um porção de salsinha… eu detesto salsinha, coentro, ou qualquer coisa verdinha que habita entre os temperinhos… mas na maionese caseira,… voilà! me esbaldo!

    Sou como vc, que não tem muitos apetrechos culinários não. Não tenho nem liquidificador… pra dizer a verdade, minha cozinha se limita a geladeira e fogão no quesito ‘tomada’. E não tem feito muita falta as outras coisas não… só sinto falta de um processador/mixer. Mas isso resolvo em breve :)

    Beijos!

  2. Marise Caetano disse

    20 mai 2013, 10:28 am

    Eu gosto de kitchen gadgets e loja que eu gosto de visitar no exterior é de coisas de cozinha, mas não tenho um monte não, acho que só o essencial rsss Como você odeio alho, mas adoro todas as ervas e condimentos. Sempre achei que maionese fosse só de gemas, não imaginava que as claras entrassem no pacote. Raramente uso maionese em alguma coisa, prefiro sempre o tempero com iogurte e agora com o grego, melhor ainda.

  3. DANIELLE GONDIM disse

    20 mai 2013, 1:52 pm

    querida, amo as coisas tradicionais, antigas, pra sempre, mas o que fazemos com a salmonela? ovo pasteurizado, será?

  4. grazi disse

    21 mai 2013, 1:04 am

    Gostei demais!

  5. marcia disse

    23 mai 2013, 3:40 pm

    Poderia ensianar outras receitas com o mixer? Tenho um mais não sei o que fazer

  6. Debora Marielli disse

    28 mai 2013, 9:18 pm

    Flavinha…

    Você como sempre tornando minha vida melhor….amei mais uma receitinha para o meu brinquedinho de cozinha preferido: AMO MEU MIXER….ele savou minha vida com a mamadeira de vitamina da princesa…. Bjinhos baianos!

  7. elisabetta disse

    02 out 2013, 8:22 pm

    Como tenho medo de usar ovos crus na maionese,faço uma receita onde no lugar dos ovos uso miolo de pão. Você conhece?Meu marido grande fã da maionese caseira ,acha esta última melhor!

  8. Sylvia disse

    13 nov 2015, 12:21 pm

    Flavia, por favor, porque vc disse que precisa tirar o germen do alho? Obrigada pelo lindo site que sempre sigo!

  9. flaviapantoja disse

    13 nov 2015, 11:04 pm

    Sylvia, o germen do alho, quando usado crú, é responsavel por torna-lo indigesto e mais pesado. Eu tiro o germe mesmo quando vou cozinha-lo mas a diferença é mesmo marcante quando o alho é usado cru, como aqui na maionese. Beijos! Flavia

Trackback URI | RSS de Comentários

comente!

Mensagem