simplesmente delícia

Arquivo de maio de 2013

29 de maio de 2013

  • Eu me lembro de ter lido sobre brócolis assado anos atrás, mas por razoes que eu não saberia explicar, me levou esses tantos anos para experimentar a receita. E devo dizer que foram anos perdidos, desprovidos de tanto prazer. Assar os brócolis me fez sentir como uma criança que aprendeu errado as cores, e descobre que amarelo é na verdade azul e que vermelho é verde. É tão gostoso, tão simples que vai ser difícil dos filhos e eu comermos brócolis de outra forma por um bom tempo.
  • O filho não gosta de acidez na comida e relutou com o limão nos brócolis. A filha e eu adoramos. O queijo traz um picante divertido, mas omita-os se assim preferir. O importante aqui é a técnica, a forma de cozinhar os brócolis. O azeite ajuda a carameliza-lo e ele fica ainda crocante ou levemente al dente. Perfeito.
  • As medidas estão a seguir, mas eu fiz no olho mesmo. A receita original também leva manjericão picado e alguma noz picada. Eu tenho certeza que o manjericão pelo menos, deve ficar uma delicia.
  • Serve 4 pessoas
  • ingredientes

  • 3 molhos de brócolis
  • 5 colheres de sopa de azeite
  • 2 pitadas boas de sal
  • Pimenta do reino
  • 3 dentes de alho
  • 1 limão (suco e raspas)
  • 1/3 copo de queijo parmesão ralado
  • modo de preparo

  • 1.       Pré-aqueça o forno a 220 graus. Forre uma assadeira grande com papel manteiga.
  • 2.       Limpe os brócolis, tirando as folhas grandes e os talos maiores. Se os brócolis estiverem molhados, seque-o bem. Ponha as flores numa vasilha grande. Regue com o azeite, e tempere com o sal e a pimenta do reino. Pique o alho e junte aos brócolis. Misture bem e ponha tudo na assadeira, sem empilha-los demais, para que as flores possam caramelizar nas pontas. Asse por 20/25 minutos.
  • 3.       Retire a assadeira do forno, regue com o suco de um limão, salpique as raspas do limão e o queijo ralado. Sirva imediatamente.

Outra Boa Idéia: Torta de Brócolis e Gorgonzola

19 de maio de 2013

  • Eu não sou uma pessoa que tem 1001 utensílios na cozinha. Você provavelmente não vai encontrar ali a ultima geração (ou a primeira) daquele utensilio de descascar alho, ou um objeto incrível alemão para picar cebola ou um cortador japonês de gema de ovo. Outro dia soube que tem uma maquina alemã de fazer sushi e fiquei devidamente fascinada. Acho que por isso resisti tanto tempo antes de comprar meu primeiro mixer, há uns quatro anos atrás. Achava, erradamente, que não servia para grandes coisas, que aquele era um utensilio que não mudaria minha maneira de cozinhar. Mas fiquei feliz de estar errada. Minha vida pós-mixer melhorou e um Mundo novo se abriu. Ok, também não precisa exagerar Flavia, mas fez uma agradável diferença.
  • Eu comecei a usa-lo para triturar sopas, para quebrar tomates em lata, para fazer milk-shakes para filhos carentes, para homogeneizar cremes e molhos. E há algum tempo, para fazer maionese.  Maionese feita em casa é um Mundo à parte, algo que não tem nada em comum com a versão industrial tão consumida por aí. Se você ainda não fez, prepare-se para se apaixonar e ter dificuldades sérias em voltar a consumir a versão plastificada, quer dizer, a versão industrial.
  • São 60 segundos no mixer. Vamos lá:
  • ingredientes

  • 2 ovos orgânicos ou caipiras, à temperatura ambiente
  • 1 ¼ copos de azeite de oliva extra-virgem
  • Sal
  • Suco de ½ limão aproximadamente
  • modo de preparo

  • 1.       Ponha a medida de azeite em um copo. Ponha os ovos em outro copo grande e alto, aonde o mixer possa trabalhar. Ligue o mixer e bata os ovos até formar um creme, por 10 segundos. Aos poucos adicione o azeite, mixando sem parar . ‘Mixando’ existe? Bem, vocês entenderam né. E mixando (se não existe, acabei de inventar essa palavra) adicione o resto do azeite aos poucos, bem devagar mesmo, para dar tempo da maionese engrossar. Quando você tiver adicionado a metade do azeite, pare o mixer, salgue a gosto, adicione suco da metade de um limão e continue a mixar até a maionese estar no ponto. De novo, é muito rápido, sessenta segundos. Ajuste o tempero com mais sal e limão se necessário..
  • 2.       Se ao contrario de mim, você adora alho e quer fazer um aioli (maionese de alho típica do sul da França), retire os germens de 2 ou 3 dentes de alho, pique o alho e triture bem com os ovos, antes de adicionar o azeite. Prossiga como para a maionese simples.
  • 3.       Outras ideias para variar a maionese: mostarda, presunto (picar bem o presunto antes de tritura-lo com os ovos), e  temperos como curry, cúrcuma e açafrão (fica uma delicia!).
Outra Boa Ideia: Salada de frango e Mangas com molho de Curry

7 de maio de 2013

  • Eu vou falar bem baixinho para que ninguém lá em cima me ouça e resolva mudar a situação: estou adorando esse tempo frio e feio no Rio de Janeiro. E claro, frio para mim é um sinal de que podemos abrir a Temporada das Sopas. Sim, porque apesar de adorar sopas, não sou muito fã das versões frias. Ok, ok, eu nunca disse que era uma pessoa fácil nem razoável. Quer saber o quê mais?
  • Todo mundo adora o Rio de Janeiro com sol, sinônimo de praia cheia, mar azul, montanhas verdes, um monte de guarda-sóis nas areias brancas, agua de coco (que alias, aqui entre nós, eu não consigo gostar), sacos de Biscoito GLOBO, etc. e tal, mas eu tenho um enorme carinho pela chuva. Adoro chuva, adoro ver o mar escuro, adoro tempestade no céu, adoro tempestade no mar, adoro dormir ouvindo o barulho da chuva e acho graça em andar sem guarda-chuva (é serio). Falando nisso, também adoro desastres naturais. Sou capaz de passar horas navegando na internet vendo filmes de tsunamis, ondas gigantes capazes de engolir um navio cargueiro, vulcões diabólicos que acordam de repente, terremotos e outras catástrofes que assolam essa nossa Terra tão abusada por nós.
  • Mas voltando a assuntos mais ‘terrestres’, eu faço essa sopa aqui em casa há algo perto de 20 anos. Ok, talvez sejam mesmo uns 15 anos, mas parecem 20. É um clássico nosso. Não posso nem dizer que faço substituições nela porque não é o caso. Raramente desvio da receita; talvez um curry diferente de vez em quando, e é só. É sempre a mesma sopa, servida do mesmo jeito, para os dois filhos que a adoram.
  • x
  • x
  • x
  • PS: quando fui postar essa receita, o sol já havia voltado. Definitivamente há alguma conspiração contra mim…
  • ingredientes

  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 cebola pequena
  • 1 colher de chá de curry
  • 1 colher de chá de páprica
  • ¼ copo de farinha de trigo
  • 2 copos de caldo de legumes
  • 2 copos de leite (integral ou desnatado)
  • Raspas de ½ limão
  • 1 lata de milho doce de 300 gramas
  • 1 lata de atum ao natural, de 170 gramas
  • Salsinha (opcional)
  • modo de preparo

  • 1.       Pique a cebola. Ponha o azeite numa panela grande (ou uma boa panela media) e leve ao fogo baixo. Refogue a cebola até ela amolecer e ficar transparente, procurando não deixar a cebola dourar.  Junte então o curry, a páprica e a farinha. Mexa por um ou dois minutos até a cebola estar bem envolta das especiarias. Adicione então, devagar, o caldo de legumes, mexendo sem parar, e deixe levantar fervura.
  • 2.       Quando ferver, junte o leite, as raspas de limão e o milho escorrido. Deixe ferver em fogo baixo por uns 5 a 8 minutos. Mexa de vez em quando para ter certeza que não está grudando no fundo da panela.
  • 3.        Adicione então o atum escorrido e mexa para quebrar os pedaços do peixe. Ferva por mais 5 a 8 minutos em fogo medio/baixo. Sirva quente com salsinha picada.
Outras Boas Ideias: Sopa Cremosa de Tomates e Sopa de Almondegas com Massa

5 de maio de 2013

  • Eu tenho sempre um pote de molho na geladeira. Às vezes faço o molho de tahini, às vezes um simples molho de iogurte, uma vinagrete, mas tem sempre alguma coisa pronta para ser usada em legumes assados, peito de frango grelhado (a filha adora derramar um molho frio no frango quente!) ou na minha perene favorita, uma linda salada de tomates doces e bem maduros.
  • Mas eu também uso para incrementar uma massa fresca no verão, para temperar pasta de atum, ou regar um monte de folhas verdes. Esse molho com perfume de laranja fica particularmente gostoso com carnes brancas, peixes e frutos do mar. É também uma delicia com grãos e legumes como beterraba, batata, vagens etc.
  • ingredientes

  • ¼ copo de suco de laranja (1/2 laranja grande aproximadamente)
  • Raspas de uma laranja (procure não ralar a parte branca da laranja)
  • Suco de 1 limão grande
  • ½ colher de chá de açúcar
  • ½ colher de chá de sal
  • Pimenta do reino
  • ½ copo de azeite de oliva extra virgem
  • modo de preparo

  • 1.       Numa vasilha, misture o suco de laranja, as raspas de laranja, o suco de limão, o açúcar, o sal e a pimenta. Misture bem até diluir o açúcar. Acrescente então o azeite e bata vigorosamente para incorporar. Prove o molho e ajuste. Eu gosto de um pouco mais de limão. Umas poucas gotas de Tabasco ficam uma delicia aqui.
  • 2.       Guarde na geladeira e retire pelo menos 15 minutos antes de usar.