simplesmente delícia

Arquivo de abril de 2012

30 de abril de 2012

  • Quando eu fui escrever esse post, achei que fosse ser facílimo. Afinal, é sobre minhas amigas queridas e sobre nossa amizade há tantos anos (sim, algumas décadas). Mas as coisas mais importantes da vida, ou pelo menos da minha vida, são as mais difíceis de falar e pensar racionalmente. Minhas amigas são meu eixo, minha linha do tempo, minha consciência (quando a minha entra em crise), minha terapeuta-para-todo-caso, minha levanta-da-cama-e-toma-um-banho naquelas horas onde achamos que não vamos mais conseguir respirar. Elas estão sempre ali, mesmo se em um momento de surto resolveram ir morar tão longe de mim.  Mas elas estão perdoadas porque me aguentam e fazem minha vida muito mais feliz, mais engraçada, mais divertida, mais confortável e mais fácil em tantos aspectos. Obrigada meninas. Amo vocês.
  • xx
  • xx
  • Esse biscoito fica bem fofo. É um biscoito macio e relativamente pouco doce. Fica per-fei-to com uma xicara de café e meu livro preferido nas mãos.A receita original é essa e dá umas 4 duzias de biscoitos.
  • ingredientes

  • 6 + ¼ copos de farinha de trigo
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 1 colher de chá de fermento em pó
  • 200 gramas de manteiga sem sal, a temperatura ambiente
  • 2 copos de açúcar (400 gramas)
  • 3 ovos
  • 1 colher de chá de baunilha
  • 1 ½ copos de iogurte natural (350 ml)
  • para a cobertura:
  • 200 gramas de manteiga sem sal, a temperatura ambiente
  • 1 colher de baunilha
  • 4 copos de açúcar de confeiteiro (560 gramas)
  • 6 colheres de sopa de creme de leite (preferencialmente fresco)
  • Confeitos coloridos (opcional)

    modo de preparo:

  • 1.       Numa vasilha, misture 5 copos de farinha, o bicarbonato, e o fermento em pó. Na vasilha de uma batedeira, ponha a manteiga e o açúcar. Bata bem, em velocidade média, até formar um creme bem fofo. Acrescente os ovos, um por um, e bata mais uns três minutos. Diminua a velocidade da batedeira e Adicione então a baunilha e o iogurte e misture somente até homogeneizar a massa.
  • 2.       Incorpore devagar os secos (farinha etc.) em velocidade baixa. Limpe as laterais da vasilha com uma espátula e bata somente ate a farinha ter sumido na massa. A massa ter que estar na consistência certa para ser aberta com um rolo, portanto vá adicionando o restante do 1 ¼ copos da farinha de meio em meio copo até o ponto certo.  Assim que a massa estiver pronta, pare a batedeira.
  • 3.       Divida a massa em três, abrindo a massa um pouco no formato de um retângulo, e enrole cada pedaço em filme plástico. Leve a geladeira por no mínimo 6 horas. A massa tem que estar bem gelada.
  • 4.       Pré-aqueça o forno a 200º C. Forre um tabuleiro com papel manteiga.  Retire um pedaço de massa da geladeira (deixe os outros pedaços na geladeira). Polvilhe uma superfície limpa com farinha e usando um rolo, abra a massa até ela estar com a espessura de 1 centímetro aproximadamente. Use um cortador (o cortador usado nas fotos tem 6 centímetros de diâmetro) para cortar os biscoitos e com uma espátula, ponha-os no tabuleiro preparado mantendo-os separados uns três centímetros um do outro. Procure fazer isso rápido para a massa não ficar mole demais. À medida que o tabuleiro ficar cheio, leve ao forno por 8 a 10 minutos. Os biscoitos devem ficar clarinhos mas começando a dourar levemente.  Retire do forno, deixe esfriar 2 ou 3 minutos e transfira os biscoitos, com uma espátula, para uma grelha para acabar de esfriar. Asse um tabuleiro de cada vez.
  • 5.       Quando tiver assado todos os biscoitos e eles estiverem à temperatura ambiente, prossiga com a cobertura. Na vasilha da batedeira, ponha a manteiga e a baunilha. Usando a pá da batedeira, bata em velocidade media acrescentando o açúcar de confeiteiro.  Acrescente o creme de leite aos poucos, para ajustar a consistência da cobertura ao seu paladar. Usando uma faca de ponta redonda ou uma pequena espátula, passe um pouco de cobertura em cima de cada biscoito. Cubra com os confeitos antes que a cobertura comece a secar. Esse biscoito fica melhor no dia seguinte, se você conseguir esperar…
Outras Boas Idéias: Biscoitos de Castanha do Pará , Biscoito de Amendoas, e Biscoitos de Manteiga Salgada com Ganache de Chocolate

18 de abril de 2012

  • Às vezes as coisas mais simples, são as melhores. Essa é uma retorica que aparece muito nas ‘mídias sociais’ (Facebook, Twitter, Pinterest, Tumblr), escrita em caligrafias bonitas, mas nesse caso, é a mais pura verdade, pelo menos para os meus filhos. Eles adoram couve-flor, de todas as formas, mas essa versão assada já foi até motivo de briga. Eu, inocentemente, assava uma couve-flor para os dois, mas isso gerava inflamadas discussões de quantas flores da couve-flor cada um já havia comido. As flores de couve-flor eram espalhadas, dissecadas e contadas de uma forma que espantaria até um patologista forênsico em meio ao seu ‘trabalho’. Desde então, asso uma couve-flor por adolescente, digo, pessoa. E minha paz de espirito permanece intacta. Pelo menos momentaneamente já que ‘paz de espirito’ e ‘adolescentes’ não parecem poder conviver na mesma frase muito tempo.

  • Essas couves-flores dão também uma sopa incrível. Basta tritura-las em um processador, depois de assadas, com um pouco de caldo de legumes (ou até mesmo agua) e um pouco de creme de leite até obter a consistência desejada. Esquente de novo rapidamente na panela e sirva com um punhado de salsinha picada.
  • ingredientes

  • 2 couves-flores bonitas
  • 1/3 de copo de azeite de oliva
  • 2 colheres de chá de tomilho fresco (ou uma boa colher de chá do tomilho seco)
  • 1 pitada de sal
  • Pimenta do reino
  • modo de preparo

  • 1. Pré-aqueça o forno a 200° graus. Forre um tabuleiro grande (todas as flores de couve-flor tem que dar no tabuleiro em uma camada) com papel manteiga ou alumínio.
  • 2. Retire as folhas da couve-flor. Corte as flores e descarte os caules mais duros. Ponha tudo numa vasilha grande. Junte o azeite, o tomilho, o sal e a pimenta. Misture bem- eu gosto de fazer isso com as mãos limpas- até ter certeza que o azeite umedeceu todas as flores. Espalhe no tabuleiro tomando cuidado para as flores não se sobreporem. É importante para que elas caramelizem direito. Asse no forno por uma hora aproximadamente ou até as pontas das flores estarem tostadas. Sirva assim ou com algum molho de iogurte ou tahini (meu preferido).

Outras Boas Dicas: Bolinhos Grelhados de Couve-Flor e Pudim de Couve-Flor e Gorgonzola