simplesmente delícia

Arquivo de janeiro de 2011

19 de janeiro de 2011

  • Nesse nosso Mundo ultimamente tão cruel e imprevisível, muitas pessoas gostariam de nos fazer acreditar que o que roda o Mundo é o dinheiro. Mas eu vou tomar a liberdade de discordar. Para mim, e a palavra chave aqui é “mim”, o que roda o Mundo é a comida.  Ela é essencial para a evolução biológica e social do ser humano. É ao redor da comida que passamos horas contemplando o mundo e gerando idéias que vão fazer mudar o status quo nas comunidades onde vivemos. E foi entre amigos queridos que recentemente, depois de um dia de muita praia e muito sol, que o tema “azeitona” foi lançado.
  • Eu adoro azeitonas. Mas gosto só das pretas e de preferência, das pequenas.  Na realidade, a única diferença entre as azeitonas pretas e as verdes, é a maturidade. As verdes são colhidas ainda, bem, verdes (não maduras) o que as torna mais densas e amargas do que as azeitonas pretas, colhidas bem maduras. Mas as duas variedades necessitam de serem tratadas para serem comidas, e quanto mais tempo elas ficam na salmoura, menos amargas elas se tornam.
  • Enfim, tudo isso para falar dessa polenta crocante que primeiro me saltou aos olhos numa revista antiga da Donna Hay.  Eu servi acompanhando camarões grelhados mas elas ficam igualmente deliciosas com frango ou carne.

  • Se estiver ao seu alcance, use uma Farinha de milho pré-cozida italiana, tipo Polenta. O resultado final é mais delicado.
  • Parta a polenta em cubos e sirva de aperitivo.
  •  
  • ingredientes

  • 3 copos de caldo de legumes
  • 50 gramas de manteiga sem sal
  • 1 copo de farinha de milho, pré-cozida (Milharina, Polenta, etc.)
  • ½ copo de azeitonas pretas picadas
  • 2/3 copo de farinha de milho, pré-cozida (Milharina, Polenta, etc.)
  •  
  • 1 copo de maionese
  • 1 gema de ovo
  • 2 dentes de alho
  • 1 limão (suco)
  • Sal a gosto
  •  
  • modo de preparo

  • 1. Unte um pirex de aproximadamente 27 cm x 16 cm com bastante manteiga. Reserve.
  • 2. Prepare primeiro a Maionese para ela dar tempo de ficar bem perfumada de alho. Num pequeno processador, junte todos os ingredientes e processe até formar um creme homogêneo. Se você não tiver um processador, pique bem o alho na faca mesmo e misture ao resto dos ingredientes. Eu gosto da maionese um pouco menos cremosa, então acrescento 1 ou 2 colheres de sobremesa de água filtrada.
  • 3. Numa panela média, ferva o caldo de legumes com a manteiga. Assim que ferver, diminua o fogo para médio, polvilhe o 1 copo de farinha de milho e misture bem até engrossar. Isso pode levar de 3 a 5 minutos. Eu gosto de usar um fouet no inicio para diluir bem a farinha de milho e não formar caroços. Depois uso uma espátula.
  • 4. Quando tiver engrossado, retire do fogo e junte as azeitonas. Misture bem e entorne no pirex preparado. Deixe esfriar totalmente antes de prosseguir.
  • 5. Pré-aqueça o forno a 200ºC. Num tabuleiro ou prato grande, espalhe o resto da farinha de milho pré-cozido (2/3 copo). Com cuidado, vire o pirex na farinha e corte a polenta em pedaços grandes. Envolva bem todos os pedaços na farinha de milho.
  • 6. Arrume os pedaços de polenta em um tabuleiro levemente untado de óleo. Leve ao forno quente por 15 minutos, retire do forno e vire os pedaços com uma espátula. Leve de volta ao forno, por mais 15 minutos. Retire e sirva com a maionese de alho.

Outra Boa idéia: Bolinho de Milho e Bacon

12 de janeiro de 2011

  • O mês de janeiro é sempre corrido para mim. As crianças de férias, o verão no auge, a ressaca emocional do final do ano e sobretudo, pelo menos para mim, uma dieta severa tentando correr atrás do prejuízo causado pelos excessos de dezembro! Mas quando o blog da União me pediu uma receita (doce, claro) com frutas, tema do mês de janeiro, eu não resisti e dei uma fugidinha dos iogurtes desnatados e folhas de alface que tem me alimentado recentemente e mergulhei, mesmo que momentaneamente, no meu Mundo Preferido, o dos doces.
  • Esse bolo é tão fácil de fazer, e ao mesmo tempo tão recompensador no seu frescor e textura, que foi difícil não me atracar com mais do que uma simples fatia. E procure usar frutas bem maduras e perfumadas!
  • ingredientes

  • 1 ¼ copos de ameixas frescas picadas
  • 1 copo de farinha de trigo
  • ½ colher de sobremesa de fermento em pó
  • ½ colher de sobremesa de bicarbonato de sódio
  • ¼ de colher de sobremesa de sal
  • 50 gramas de manteiga sem sal, a temperatura ambiente (1/4 do tablete de 200 gramas)
  • 2/3 copo de açúcar + 2 colheres de sopa
  • 1 colher de sobremesa de aroma de baunilha
  • 1 ovo grande
  • ½ copo de iogurte natural (não serve desnatado) ou 125 ml
  • Para fazer um bolo maior, dobre a quantidade de ingredientes e use uma forma de 26-28 CMN.
  • modo de preparo

  • 1. Pre-aqueça o forno a 180ºC. Forre uma forma redonda de 22 CMM aproximadamente com papel manteiga (eu gosto de usar uma forma de laterais removíveis para esse tipo de bolo). Unte de manteiga e polvilhe de farinha e reserve.
  • 2. Lave as ameixas e corte em pedaços grandes, retirando e descartando os caroços. Reserve. Numa outra vasilha, misture a farinha, o fermento em pó, o bicarbonato e o sal. Agora na vasilha da batedeira, ponha a manteiga e o 2/3 copo de açúcar. Bata em velocidade media até o creme estar fofo e clarear, uns 3 a 4 minutos. Adicione então o ovo e a baunilha e bata mais um pouco.
  • 3. Diminua a velocidade da batedeira e adicione a farinha intercalando com o iogurte, em 3 vezes. Para 1 vez a batedeira e limpe as laterais da vasilha com uma espátula. Quando a farinha e o iogurte estiverem todos incorporados, pare a batedeira e entorne o creme na forma preparada.
  • 4. Espalhe as ameixas pelo bolo (não é preciso afundá-las, isso vai acontecer naturalmente). Polvilhe por cima do bolo e das ameixas as 2 colheres de sopa de açúcar e leve ao forno. Asse por 35-40 minutos ou até o bolo estar bem dourado e uma faca sair seca do centro. Deixe esfriar pelo menos 25 minutos antes de retirar a forma.

Outras Boas Idéias: Clafoutis de Ameixas Frescas e Bolo de Frutas Frescas

5 de janeiro de 2011

  • Não é surpresa para ninguém que me conhece um pouco que eu não como fast-food ou o que quer que seja aquilo que chamam de comida nessas lanchonetes coloridas que povoam o Mundo. E nem adianta me dizer que a batata frita é boa porque pelo menos para mim, até elas tem gosto de plástico. Mas resolvi abrir duas exceções nesse inicio de 2011: nuggets e fritura. Bem eu me esqueci de dizer que também não como fritura… Eu nunca disse que era uma pessoa fácil!
  • Então, para agradar os filhotes de férias, resolvi abrir essa duas exceções de uma tacada só. Mas estava firme e forte no meu propósito de dar um nome bem bonito e saudável ao prato, algo como “frango empanado com queijo parmesão”. E é obvio que a filha sentou para almoçar olhou e disse: “Nuggets!”
  • E lá se foi o requinte do meu frango! Mas não importa porque ficou mesmo uma delicia! A polenta adicionar um crocante irresistível ao frango e o queijo parmesão um perfume delicioso. E não fica muito gorduroso.  Ideal com uma salada de tomates!
  • PS: Por favor não usem aquele queijo ralado de saquinho!! Aquilo ali nao tem sabor algum do verdadeiro parmesão! Compre um pedaço e rale em casa: prometo que voce vai notar a diferença!
  •  
  •  
  •  
  • ingredientes

  • 500 gramas de peito de frango, sem pele, de preferência orgânico (aprox. 3 peitos)
  • 1/3 copo de farinha de trigo
  •  2 ovos, orgânicos de preferência
  • ½ copo, bem cheio, de queijo parmesão ralado fino
  • 1/3 copo de polenta (Milharina, etc.)
  • ¼ copo de farinha de pão
  • 4 a 5 colheres de óleo de canola ou girassol
  • Sal e pimenta
  •  
  • modo de preparo

  • 1. Fatie os peitos de frangos em pedaços médios. Tente cortar os pedaços para que fique com tamanhos parecidos e conseqüentemente cozinharem uniformemente.
  • 2. Numa vasilha, ponha a farinha e tempere com sal e pimenta. Em outra vasilha, ponha os 2 ovos e bata ligeiramente com um garfo. Na terceira vasilha, ponha o parmesão, a polenta e a farinha de pão.
  • 3. Pegue um pedaço de frango, ponha primeiro na farinha e envolva-o bem. Retire qualquer excesso, e mergulhe rápido no ovo batido. De novo, retire o excesso de ovo e imediatamente ponha na mistura de queijo. Envolva bem com essa mistura, retire o excesso, e arrume num prato. Faça isso com todos os pedaços de frango. Cubra o prato com filme plástico e leve a geladeira por pelo menos 10 minutos.
  • 4. Ligue o forno a 200ºC. Numa frigideira grande, ponha 3 a 4 colheres de óleo e esquente em fogo médio. Quando o óleo estiver quente, ponha alguns pedaços de frango empanado na frigideira mas cuidado para não apertar-los muito pois queremos espaço para virar os pedaços . Frite uns 2 minutos de cada lado ou até dourar. Vire os pedaços e frite-os do outro lado. Quando estiverem dourados, retire-os com uma escumadeira e ponha no papel-cozinha para absorver um pouco a gordura. Faça isso com todos os pedaços de frango adicionando mais óleo se necessário.
  • Em seguida, ponha os pedaços de frango num tabuleiro e leve ao forno por uns 6 a 8 minutos para acabar de assar e secá-los um pouco. Retire do forno e sirva quente. Use o forno para re-quenta-los se preciso.

Outra Boa Ideia: Frango Assado com Za’atar e Limão