simplesmente delícia

Arquivo de julho de 2010

28 de julho de 2010

  • Eu não assisto muita televisão mas eu AMO a Oprah. Já disse isso por aqui?? É tiro e queda: meus filhos me vêem chorar na frente da televisão e sem mesmo olhar para o aparelho já vão logo: “Mãe, você está assistindo a Oprah?”. Minha tietagem é tamanha que da ultima vez que passei pelos Estados Unidos em abril  comprei a revista. E claro, não ouve sombra de decepção já que dentro dela, estava uma receita que foi feita para mim. É serio. Eu acredito em destino e tenho certeza que a própria Oprah pôs a receita ali para mim, pensando no meu aniversario e nas coisas que eu mais gosto: amêndoas, cerejas, queijo (mascarpone) e algum álcool no doce. Não disse??!! Foi feita pra mim!! E porquê estou num momento de generosidade extrema, estou dividindo-a com você, caro leitor! Então trate-a bem e faça-a com muito carinho e amor!

  • Esse bolo é ainda melhor do que eu esperava e, para tudo ficar ainda mais perfeito, ele precisa ser feito de véspera. Na realidade, ele fica perfeito durante vários dias: você vai ver que os sabores vão se intensificando e se mesclando de uma forma irresistível.
  • Eu preferi usar a receita da massa do bolo de amêndoas eu já havia postado aqui e é uma delicia por si só. Para fazer um bolo como o da foto, que serve umas 25 pessoas, faça duas vezes a receita da massa abaixo (mas basta uma receita do recheio).
  • ingredientes

  • Para 1 (uma) forma de 24 CMN (voce vai precisar de 2 vezes essa receita de massa para fazer um bolo como o da foto)
  • 220 gramas de amêndoas inteiras
  • 2 copos + 2 colher de sopa de açúcar
  • 1/2 colher de chá de sal
  • ½ colher de chá de essência de amêndoas (opcional)
  • 6 ovos grandes
  • 200 gramas de manteiga sem sal, temperatura ambiente
  • 2 colheres de sopa de Kirsch, Brandy, ou cachaça (opcional)
  • 2/3 copo de farinha de trigo
  • 1/2 colher de chá de fermento em pó
  • recheio

  • 390 gramas de queijo tipo Mascarpone
  • 1 copo de creme de leite fresco
  • ¼ copo de açúcar
  • ½ fava de baunilha (opcional)
  • 2 colheres de sopa de Kirsch ou Eau-de-Vie de Framboise
  • 1 copo de cerejas em conserva escorridas e picadas
  • ¾ copo de geléia de cerejas
  • cobertura

  • 1 ¼ copos de açúcar
  • 4 claras
  • modo de preparo

  • 1. Pré-aqueça o forno a 180ºC. Forre o fundo de uma forma de 24 CMN com um circulo de papel manteiga, Unte-a toda com manteiga e reserve.
  • 2. Na vasilha do processador, ponha as amêndoas inteiras, o açúcar, o sal, e a essência de amêndoas e processe até as amêndoas estarem bem trituradas. Adicione os ovos, a manteiga o álcool (se for usar) e processe somente até juntar os ingredientes. Adicione a farinha e o fermento em pó e processe de novo somente até homogeneizar a massa.
  • 3. Entorne a massa na forma preparada e leve ao forno por 40 minutos. Cheque com um palito aos 35 minutos: o palito deve sair seco do centro do bolo. Deixe o bolo esfriar totalmente.
  • 4. Passe uma faca bem rente as laterais da forma para soltar o bolo antes de virar num prato. Deixe o bolo esfriar totalmente antes de prosseguir.
  • 5. Repita toda a receita para ter 2 bolos de 24 centimetros.
  • 6. Na vasilha da batedeira, ponha o mascarpone, o creme de leite fresco, o açúcar, as sementes da fava de baunilha e 1 colher do kirsch. Bata com o balão em velocidade baixa até misturar os ingredientes. Aumente a velocidade e bata até formar um creme leve e firme (como chantilly). Adicione as cerejas picadas e misture somente até incorporá-las. Leve o creme a geladeira pelo menos 30 minutos.
  • 7. Numa outra vasilha, misture a geléia com a segunda colher de kirsch.
  • 8. Retire os bolos das formas. Divida os bolos ao meio usando uma faca grande, para fazer 4 camadas. Ponha uma das camadas já no prato onde vai servir o bolo e, usando uma colher, espalhe 1/3 da quantidade da geléia por toda a superfície da primeira camada, aquela que esta no prato.
  • 9. Retire o creme de mascarpone da geladeira e entorne 1/3 do creme nessa primeira camada de bolo. Ponha outra camada de bolo, e espalhe mais 1/3 da geléia nessa camada de bolo, cobrindo com mais 1/3 do creme de mascarpone. Ponha a 3ª camada de bolo e use o ultimo 1/3 de geléia e 1/3 de creme e mascarpone. Cubra com a ultima camada de bolo. Leve a geladeira por no mínimo 1 hora. O ideal é mesmo 12 horas para os sabores se mesclarem bem.
  • 10. Para a cobertura:
  • Na vasilha da batedeira, ponha as claras e o açúcar. Ponha a vasilha em um  banho-maria até as claras esquentarem. Elas tem que atingir 50 graus, portanto se você não tiver um termômetro culinário, use o dedo mesmo! 50 graus é quente mas não tão quente que vá queimar os dedos!!! Quando as claras estiverem prontas, leve a vasilha á batedeira em velocidade alta até o suspiro estar quase frio. Ele deve estar brilhoso e firme. Use o suspiro para decorar o bolo imediatamente, passando nas laterais e em cima do bolo com uma espátula.
  • Outra Boa idéia: Bolo Tres leches e Meu Bolo de Chocolate Ideal

26 de julho de 2010

  • Eu tenho feito esse sanduiche há algumas semanas -desde que li a descrição no blog da grande Dorie Greenspan- e não pareço me cansar. Acho que foi a descrição da viagem dela ao Laos e a Tailândia, países que quero muito conhecer, que me fizeram sair correndo para comprar o Sriracha e o molho de pimentas adocicado Mae Ploy, e sair picando legumes e pensando em combinações diferentes e possibilidade de uso para esses 2 novos sabores na minha cozinha. O molho de pimentas Mae Ploy é suave e perfumado, e serve como um molho mesmo: perfeito com frango grelhado, porco, rolinhos de primavera mas eu imagino que fique igualmente delicioso com bolinho de siri ou até bolinhas fritas de queijo. Já o Sriracha, é um molho mais forte, feito a base de pimentas curtidas no sol.
  • Use os wraps já prontos ou faça o sanduiche com algum pão tipo de casca mais dura como a baguette francesa ou o clássico pão Frances. Desconfio que fique gostoso também com ciabatta.
  • Outras idéias para o recheio são palmito, cebola roxa picada, cogumelos frescos, coentro (que eu adoro!), ovo cozido, frango desfiado e camarões cozidos.
  •  
  • ingredientes

  • 2 copos de repolho picado
  • 2 cenouras grandes
  • 1 tomate, sem sementes, picado,
  • ¼ copo de amendoins
  • 1 pepino japonês, picado
  • ¾ copo de salsa picada
  • ½ copo de maionese
  • 4 colheres de sobremesa de Sweet Chili Sauce Mae Ploy *
  • 1 colher de sobremesa de Sriracha *
  • 1 pacote de wraps, ou qualquer outro pão (i.e. baguette etc.)
  •  
  • modo de preparo

  • 1. Pique o repolho e ponha numa vasilha grande. Lave as cenouras e rale grosso. Junte ao repolho. Adicione o tomate picado, os amendoins, o pepino picado e a salsa. Reserve enquanto prepara o molho
  • 2. Misture a maionese, o molho de pimentas e o Sriracha. Adicione esses 2 últimos aos poucos e vá provando para temperar a seu gosto. Tempere com uma pitada de sal e adicione aos legumes picados. Misture bem.
  • 3. Esquente os wraps, ou o pão que for usar,  numa frigideira - não é preciso usar gordura alguma. Ponha um bocado de salada no centro e enrole. Sirva imediatamente ou mantenha enrolado com papel alumínio.Segundo a Dorie, o sanduiche fica melhor depois de uns 15 minutos de pronto pois ele tem tempo de molhar mais. Eu nao consigo esperar tanto tempo.
  • *No Rio de Janeiro, encontrei nas Casa Vitana
  •  
  • Outra Boa Idéia: Salada de Cenoura e Cominho e Fattoush: Salada de Pão Sirio

19 de julho de 2010

  • Quando eu falo que sonho com comida, muitas vezes acham que eu digo isso da boca para fora. Mas é mesmo verdade. E dessa vez foram varias noites seguidas que a idéia desse bolo não saía da minha cabeça. Acordava pensando em que tipo de bolo eu queria, que massa ficaria melhor, que forma de preparo, que liquido usar (leite, iogurte, suco de laranja). Mas uma coisa era certa: apesar da banana ser mais associada a nozes, eu queria mesmo era fazer com amendoins. E ficou uma delicia. É uma massa densa, porem úmida e fofa. Os amendoins, que eu adoro e uso em casa muito em saladas (especialmente) mas também em doces, complementam o perfume das bananas e adicionam um crocante todo especial que eu amo! Eu já disse isso a você?? Adoro um crocante!
  • Procure usar bananas bem, mas bem maduras, daquelas cheias de manchas pretas e moles demais! E lembre que bananas congelam muito bem então se tiver bananas perfeitas e não puder fazer o bolo imediatamente, envolva-as em filme plástico e leve ao freezer. Descongele totalmente antes de prosseguir. Ah e esse bolo não necessita de batedeira!!!
  • ingredientes

  • 150 gramas de amendoins sem sal
  • 2 copos de farinha de trigo (280 gramas)
  • ¾ copo de açúcar (150 gramas)
  • ¾ colher de chá de bicarbonato de sódio
  • ½ colher de chá de sal
  • 1 ½ copos de bananas bem amassadas com um garfo (de 4 a 6 bananas, bem maduras)
  • ¼ copo de iogurte natural
  • 2 ovos
  • 100 gramas de pasta de amendoins (tipo Amendocrem)
  • 80 gramas de manteiga sem sal, derretida, a temperatura ambiente (6 colheres de sopa)
  • 1 colher de chá de baunilha
  • modo de preparo

  • 1. Pré-aqueça o forno a 180°C. Ponha os amendoins numa travessa e leve ao forno para tostá-los uns 8 a 10 minutos. Retire do forno e espere esfriar antes de picá-los. Reserve. Unte uma forma retangular de 11 cm por 26 cm de manteiga, forre os fundos com um pedaço de papel-manteiga e unte-o também. Reserve.
  • 2. Numa vasilha, misture a farinha, o açúcar, o bicarbonato, o sal e os amendoins picados. Reserve.
  • 3. Numa outra vasilha, misture as bananas amassadas, os ovos, a pasta de amendoins, o iogurte, a baunilha e a manteiga derretida.
  • 4. Com muito cuidado, misture a farinha às bananas, sem mexer muito, somente até não haver traças de farinha. É importante não mexer demais para não ativar o glúten, o que impede a massa de crescer. Ponha na forma preparada e leve ao forno pré-aquecido por 55 a 65 minutos ou até uma faca sair limpa do centro do bolo.
  • Outras Boas Idéias: Bananas Assadas com Caramelo e Amendoins e Cookies de Banana-Chocolate

15 de julho de 2010

  • Chove sem parar, meus pés estão gelados, minha filhota está do outro lado do mundo, eu não vou escapar de levar um grupo de pré-adolescente queridos assistir ao tal filme de vampiros que anda arrebatando corações mundo afora e para completar, meus treinos para mais uma Meia-Maratona estão capengando…Ah e esqueci de dizer que meu computador resolveu surtar- motivo pelo qual não consegui postar nada aqui nessa ultima semana.
  • Acho que isso já é desculpa suficiente para eu me dar uns biscoitos de castanha do Pará com uma linda xícara de chá bem quente não?
  • Essa receita é originalmente preparada com nozes, que eu também adoro e também deve dar um biscoito delicioso. Mas confesso que não resisti em usar as lindas castanhas do Pará orgânicas que ganhei do meu pai. Não deixe de tostá-las antes de preparar os biscoitos pois elas ficam ainda mais perfumadas. A massa pode ser congelada depois de pronta e envolta no filme plástico. Retire do freezer uns 20 minutos antes de assar.
  • Esses biscoitos precisam ser assados dentro de uma forminha!!
  • ingredientes

  • caramelo
  • 2 colheres de sopa de açúcar mascavo
  • 2 colheres de sopa de açúcar
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • ¼ copo de mel
  • ¼ copo de creme de leite fresco
  • biscoitos
  • 2 copos de farinha (240 gramas)
  • 2 copos de castanhas do Pará (200 gramas), de preferência orgânicas
  • ½ colher de chá de sal
  • ¼ copo de Maizena (35 gramas)
  • ¾ copo de manteiga sem sal, a temperatura ambiente (150 gramas)
  • 1 copo + 2 colheres de  chá de açúcar (220 gramas)
  • ¼ copo de castanhas do Pará, tostadas e bem picadas
  • modo de preparo

  • 1. Pré-aqueça o forno a 180°C. Ponha as castanhas do Pará num tabuleiro e leve ao forno quente por uns 8 a 10 minutos, ou até elas estarem levemente tostadas. Retire do forno e reserve.
  • 2. Para a calda: ponha numa panela pequena os açucares, a manteiga, e o mel. Leve ao fogo médio e misture para os açucares dissolverem. Quando o caramelo começar a borbulhar, ferva por 3 minutos, misturando sem parar. Desligue o fogo, espere 1 ou 2 minutos e acrescente o creme de leite fresco. Reserve o caramelo.
  • 3. Para os biscoitos: na vasilha do processador, ponha a farinha, os 2 copos de castanhas tostadas, o sal e a Maizena. Processe até formar uma farinha fina. Reserve.
  • 4. Na vasilha da batedeira, bata a manteiga com o açúcar até formar um creme leve e fofo. Diminua a velocidade da batedeira e acrescente a mistura de farinha e castanhas com cuidado.
  • 5. Abra um pedaço de filme plástico em cima de uma superfície lisa e ponha um pouco da massa. Aperte bem a massa com as mãos para formar uma lingüiça compacta. Essa massa esfarela portanto é importante apertar bastante.O diâmetro do rolo de massa tem que ser igual ao fundo da forminha que você vai usar para assar os biscoitos. As minhas formas têm 5 CMN no fundo. Envolva o rolo de massa em filme plástico, apertando bem. Leve todos os rolos de massa à geladeira por no mínimo 2 horas.
  • 6. Unte as forminhas com manteiga. Pré-aqueça o forno a 200°C.
  • 7. Tire um rolo de massa da geladeira de cada vez. Com uma faca bem afiada, corte rodelas de 1 cm de espessura e ponha-as nas formas preparadas. Se pedacinhos de massa se quebrarem, não tem problema: È só apertar de novo com os dedos.
  • 8. Quando toda a massa estiver cortada em rodelas e preparada no fundo das formas, use uma colherzinha para fazer um pequeno buraco no biscoito (o equivalente a ½ colher de sobremesa). Com a mesma colher, entorne um pouco de calda em cada biscoito. No final, salpique um pouco das castanhas do Pará picadas.
  • 9. Leve ao forno por 15 a 18 minutos ou até os biscoitos estarem dourados. Retire do forno e deixe esfriar na forma.
  • Outra Boa Idéia: Biscoitos de Amêndoas e Bolo de Açucar Mascavo e Castanhas do Pará

9 de julho de 2010

  • Minha sensação é sempre a mesma: algumas coisas são clássicas, nunca saem de moda, não perdem o charme nunca. Aliás uma vez eu li uma definição perfeita de charme: “charme é aquela qualidade que as pessoas tem que nos fazem se sentir bem”. Acho isso tão verdade! Eu olho para um bolo de maçã e imediatamente transbordo de felicidade!
  • ingredientes

  • 5 ovos
  • 1 ½ copos de açúcar
  • 1 ½ copo de farinha de trigo
  • 120 gramas de manteiga, derretida, a temperatura ambiente
  • 10 maçãs (eu misturo a Fuji com a maça verde)
  • 1 colher de chá, bem cheia, de fermento em pó
  • ½ colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 1 limão (casca e suco)- eu prefiro o limão siciliano nessa receita
  • 1 colher de chá de baunilha
  • modo de preparo

  • 1.       Pré-aqueça o forno a 180 graus. Unte uma forma (no minimo 24 cms) de laterais removíveis com manteiga, forre o fundo dela com um pedaço de papel-manteiga e unte-o também. Reserve.
  • 2.      Lave e descasque as maçãs. Pique-as em cubos pequenos.  Reserve. Nesse bolo das fotos, eu fatiei algumas maçãs ao inves de picar em cubos para por na parte de cima do bolo. Porém elas acabam afundando na massa… Então, pique mesmo todas elas em cubo: é um trabalho a menos!
  • 3.       Rale a casca do limão, tomando cuidado para não tirar a parte branca. Reserve. Esprema o suco todo do limão e entorne nas maçãs, mexendo delicadamente para que todos os pedaços de frutas fiquem envoltos no suco. Reserve.
  • 4.       Numa vasilha, misture a farinha, o fermento e o bicarbonato. Reserve.
  • 5.       Na vasilha da batedeira, ponha os ovos e o açúcar. Bata em velocidade média/alta até formar um creme leve, uns 5 minutos. Reduza a velocidade da batedeira e acrescente, aos poucos, a mistura de farinha. Adicione também as raspas de limão e a baunilha, e por fim a manteiga derretida.
  • 6.       Pare a batedeira, junte as maçãs à massa e misture delicadamente com uma espátula. Entorne toda a massa na forma preparada e leve ao forno. Esse bolo assa por 1 hora, até 1hr15. Faça o teste com uma faca tomando cuidado já que as maçãs são úmidas e podem “enganar” quanto ao ponto da massa. Deixe esfriar e tire as laterais da forma para partir.
  • Outra Boa Idéia: Torta Fina de Maçãs

Próxima página »