simplesmente delícia

Arquivo da categoria 'acompanhamentos'.

18 de dezembro de 2012

  • Apesar de se anunciar sempre com muita antecedência, eu sempre me vejo pega de surpresa quando vai chegando o fim de ano. A vida começa a ficar mais corrida, as horas do dia parecem diminuir, o tempo parece entrar num outro compasso e para complicar tudo, o calor só faz aumentar.  E por conta dessa correria, eu acabei me atrasando para postar essa receita de rocambole de queijo com tomates secos. Apesar de não ser típico de uma ceia de Natal ou Réveillon, esse rocambole é perfeito para uma mesa de buffet. Pode ser feito com antecedência e é delicioso servido frio ou quente. Se quiser dar mais um charme ao prato, sirva junto com um molho pesto.
  • ingredientes

  • 100 gramas de manteiga sem sal
  • 120 gramas de farinha de trigo
  • 600 ml de leite
  • 8 ovos (separados gemas de claras)
  • 120 gramas de queijo parmesão ralado
  • 150 gramas de cream cheese (tipo Philadelphia)
  • 100 ml de creme de leite fresco
  • Suco de ½ limão
  • 80 gramas de tomates secos em óleo, escorridos, bem picados
  • 2/3 de copo de manjericão fresco
  • modo de preparo

  • 1. Pré-aqueça o forno a 200 graus. Unte um tabuleiro retangular de 29 x 42 cm, de bordas baixas, com manteiga. Forre-o com papel manteiga e unte o papel manteiga também. Reserve-o. Ponha todas as gemas numa vasilha e as claras na vasilha da batedeira e reserve.
  • 2. Numa panela media, derreta a manteiga. Adicione a farinha de trigo e misture bem por dois minutos, em fogo médio. Adicione devagar o leite, mexendo sem parar até engrossar o creme.  Junte então as gemas, uma por uma, mexendo bem entre cada gema e misturando sem parar. Retire a panela do fogo e tempere com sal e pimenta do reino. Reserve.
  • 3. Bata as claras com uma pitada sal, em neve. Junte 1/3 das claras batidas ao creme de gemas, misture delicadamente com uma espátula, fazendo movimentos de baixo para cima. Adicione o restante das claras em duas vezes, misturando rapidamente com uma a espátula, para não tirar volume das claras. Entorne na forma preparada e salpique com 1/3 de copo de queijo parmesão ralado (o restante vai ser usando no recheio). Leve ao forno quente por 15 a 18 minutos ou até a massa estar dourada e se soltar das laterais da forma.  Retire do forno e vire a massa em cima de um pedaço de papel manteiga do mesmo tamanho ou maior do que a forma. Ou então use uma toalha de pano.
  • 4. Enquanto a massa assa, prepare o creme de recheio. Misture o creme de leite fresco com o suco de meio limão, mexa e deixe repousar por 10 minutos. Em seguida, junte o cream cheese (o cream cheese fica mais fácil de manusear se tiver fora da geladeira uns 20 a 30 minutos antes), o resto do parmesão ralado, sal e pimenta e mexa bem até formar um creme homogêneo.
  • 5. Depois que tirar a massa do forno e vira-la no papel manteiga, espere uns 20 minutos para ela esfriar um pouco antes de rechear com o creme. Use uma espátula ou faca de ponta redonda para espalhar o creme por toda a superfície da massa. Salpique com os tomates secos picados e 2/3 de copo de manjericão picado (se as folhas estiverem muito grandes). Com muito cuidado, usando o papel manteiga sob a massa, enrole o rocambole a partir do maior lado, usando os dedos para apertar ligeiramente a massa e formar um rocambole compacto. Quando terminar, envolva-o com filme plástico e leve a geladeira por pelo menos 4 horas, ou de um dia para o outro.
  • 6. Após algumas horas, retire o filme plástico com cuidado. Sirva frio ou a temperatura ambiente (meu jeito preferido), ou fatie em fatias grossas de 3 a 4 centímetros, polvilhe cada fatia com um pouco de queijo parmesão, leve ao forno pré-aquecido (180 graus) por 5 minutos. Esse  rocambole não deve ser servido muito quente pois o recheio de creme não permite.
Outra Boa Idéia: Massa com Molho Trapanese

30 de outubro de 2012

  • Não é segredo que eu sou fã de um legume assado. Pensando bem, acabei de me promover Presidente do Fã-Clube dos Legumes Assados. Na minha cabeça, qualquer legume fica melhor preparado no forno, do que frito ou cozido ou até grelhado, outra forma de preparo que eu adoro. No forno, os legumes adquirem uma profundidade de perfumes, um caramelizado delicioso e além do mais, são muito mais ‘caloricamente-corretos’, fator crucial especialmente na véspera do verão… Apesar de levar pelo menos uma hora no forno, é só misturar tudo e deixar lá assando. Pessoalmente, um prato desses legumes servido com coalhada e um pouco de castanhas do Pará salgadas é uma refeição completa mas também acompanha lindamente um frango grelhado ou outra carne branca. Outra ideia é servir um ovo pochê em cima dos legumes, com uma fatia de pão italiano.
  • Experimente também assar abobora, beterraba (só tome cuidado para assa-las separadamente para não colorir todos os legumes), batata inglesa, couve-flor e berinjela. E adicione alecrim na hora de assa-los para mais um perfume delicioso.
  • ingredientes

  • 2 ou 3 batatas doces
  • 3 cenouras medias
  • 6 dentes de alho (inteiros, com pele)
  • ¼ copo de azeite de oliva
  • 1 pitada de sal
  • 2 tomates
  • 1 colher de chá de vinagre balsâmico
  • 2 copos de salsinha (ou 1 ½ de salsinha e ½ de manjericão)
  • 1/3 copo de azeite de oliva
  • ½ limão (suco)
  • Sal
  • modo de preparo

  • 1.       Pré-aqueça o forno a 180/200 graus. Forre um tabuleiro grande e um pequeno com papel manteiga e reserve-os.
  • 2.       Lave, seque bem, e corte as batatas doces em dois ou três pedaços. Parta então cada pedaço de batata na metade, e em seguida, corte cada metade de novo em dois. Procure cortar em pedaços iguais para assarem por igual. Ponha tudo numa vasilha grande. Lave e seque bem as cenouras e corte em pedaços de tamanho iguais ou parecidos com a batata doce. Junte à batata doce.  Agora pegue os dentes de alho, com pele, ponha-os em cima de uma tabua, e esmague cada um com uma faca grande. Junte os alhos esmagados à batata e cenoura. Regue tudo com o azeite e uma boa pitada de sal.
  • 3.       Pegue os legumes com uma escumadeira e arrume-os no tabuleiro grande preparado, deixando o resto do azeite na vasilha. Leve ao forno por 30 minutos, retire do forno, vire os legumes, e volte o tabuleiro ao forno por mais 30/40 minutos. Eu gosto dos meus legumes bem assados portanto deixo mais de uma hora no forno.
  • 4.       Enquanto isso, parta os tomates em quatro. Ponha-os na vasilha com o resto do azeite, adicione o azeite balsâmico e mais uma pitada de sal, misture tudo e arrume os tomates no tabuleiro menor. Leve ao forno por uns 40 minutos. Os tomates assam mais rápido por isso temos que separa-los dos legumes.
  • 5.       Prepare a vinagrete.  Ponha a salsinha no processador junto com o azeite. Processe bem e adicione o suco de limão. Tempere com sal, prove e ajuste o limão, se necessário. Essa vinagrete pode ser feita de véspera mas tire da geladeira pelo menos 30 minutos antes de usar.
  • 6.       Tire os legumes do forno, arrume num prato e regue com o vinagrete. Eu gosto de salpicar castanhas do Pará fatiadas e salgadas para dar um crocante ao prato mas você também pode usar amêndoas ou até amendoins salgados.  E se gostar, prove com coalhada.
Outras Boas Idéias: Massa com Legumes Grelhados e Salada de Lentilhas com Tomates Assados e Gorgonzola

17 de setembro de 2012

  • Qualquer pessoa que me acompanha aqui no blog já sabe que eu não sou muito fã de carnes, particularmente carnes vermelhas. Mas até eu caio nas graças do perfume do bacon dourando na frigideira: tem algo profundamente inebriante, um pouco salgado um pouco doce, que invariavelmente nos remete a uma boa lembrança.
  • Sirva essa ‘torta’ com uma salada verde ou acompanhando um frango assado, por exemplo.
  • Receita da SAVEUR
  • ingredientes

  • 150/200 gramas de bacon
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 2 cebolas medias
  • 1 ½ copos de farinha de trigo (210 gramas)
  • 3 ovos
  • 1 1/4 copos de leite (integral ou desnatado)
  • 1 colher de chá de orégano seco, ou 1 colher de sopa de orégano fresco
  • Sal e pimenta do reino
  • modo de preparo

  • 1.       Numa vasilha misture bem com um garfo a farinha de trigo, os ovos, o leite e o orégano. Tempere com sal e pimenta e deixe descansar pelo menos 10 minutos. Pré-aqueça o forno a 210ºc. Unte uma assadeira de 22 x 28 cm ou uma vasilha redonda de 25 cm com azeite e leve ao forno quente por 10 minutos pelo menos. Fatie a cebola bem fina e reserve.
  • 2.       Pique o bacon em pedaços pequenos. Esquente uma frigideira aonde caiba o bacon todo em uma camada e frite o bacon até ele estar levemente dourado. Retire-o com uma escumadeira e ponha em cima de papel absorvente para acabar de secar. Descarte a gordura e volte a frigideira para o fogo. Acrescente a manteiga e refogue a cebola com sal e pimenta, em fogo médio/baixo até caramelizar, uns 10 minutos.
  • 3.       Quando a assadeira untada estiver quente, tire-a do forno com cuidado, ponha o creme de ovos preparado, salpique com o bacon e espalhe a cebola por toda a superfície. Leve ao forno por 30 minutos ou até a massa estar dourada e levemente estufada. Sirva imediatamente.

Outras Boas Idéias: Frango com Bacon e Ervas Assado no Sal Grosso e Salada de Batatas com Bacon

31 de agosto de 2012

  • Ir ao dentista talvez não seja o programa preferido da maior parte das pessoas. Tem alguma coisa naquelas maquinas, naqueles instrumentos bizarros meio assustadores, e na possiblidade de ficar ali horas parado com a boca aberta, sem a certeza que tua mandíbula vai um dia voltar a fechar, meio aterrorizante. Mas eu tenho a sorte de ter uma dentista que adora bater papo e sobretudo adora comida. E foi dela a sugestão de assar o inhame em chips. E eu, que adoro um legume -alias, qualquer coisa, me parece- assado, não hesitei nada antes de passar no mercado. E ela tinha toda razão . Eu não sei bem porque nunca me interessei mais por essa leguminosa não muito fisicamente atraente mas fiquei -muito- bem surpresa ao saber que meus filhos não estavam no mesmo barco do que eu. Eles têm a sorte de estudar numa escola aonde a comida do refeitório é particularmente gostosa e, sobretudo, muito bem pensada. Inhame frequentemente faz parte do cardápio escolar deles.
  • Se somente eu conseguisse desviar a atenção da minha querida dentista mais para esse tópico, ela poderia falar mais de comida e prestar menos atenção na minha boca, eu ficaria ainda mais satisfeita!
  • modo de preparo:

  • Descasque os inhames. Use uma mandolina para fatia-los, ou corte-os em fatias bem finas com uma faca. Ponha as fatias numa forma preparada com papel manteiga ou um silicone, e pincele com azeite. As fatias podem se tocar mas não devem se sobrepor. Tempere com sal e pimenta e leve ao forno pré-aquecido a 200ºC por 15 a 20 minutos , ou até os chips estarem levemente dourados nas bordas. Deixe os chips esfriarem alguns minutos no tabuleiro, para eles endurecerem.

  • Outras Boas Idéias: Batata Doce Assada , Batatas Assadas, Batatas Assadas Sem Culpa

18 de abril de 2012

  • Às vezes as coisas mais simples, são as melhores. Essa é uma retorica que aparece muito nas ‘mídias sociais’ (Facebook, Twitter, Pinterest, Tumblr), escrita em caligrafias bonitas, mas nesse caso, é a mais pura verdade, pelo menos para os meus filhos. Eles adoram couve-flor, de todas as formas, mas essa versão assada já foi até motivo de briga. Eu, inocentemente, assava uma couve-flor para os dois, mas isso gerava inflamadas discussões de quantas flores da couve-flor cada um já havia comido. As flores de couve-flor eram espalhadas, dissecadas e contadas de uma forma que espantaria até um patologista forênsico em meio ao seu ‘trabalho’. Desde então, asso uma couve-flor por adolescente, digo, pessoa. E minha paz de espirito permanece intacta. Pelo menos momentaneamente já que ‘paz de espirito’ e ‘adolescentes’ não parecem poder conviver na mesma frase muito tempo.

  • Essas couves-flores dão também uma sopa incrível. Basta tritura-las em um processador, depois de assadas, com um pouco de caldo de legumes (ou até mesmo agua) e um pouco de creme de leite até obter a consistência desejada. Esquente de novo rapidamente na panela e sirva com um punhado de salsinha picada.
  • ingredientes

  • 2 couves-flores bonitas
  • 1/3 de copo de azeite de oliva
  • 2 colheres de chá de tomilho fresco (ou uma boa colher de chá do tomilho seco)
  • 1 pitada de sal
  • Pimenta do reino
  • modo de preparo

  • 1. Pré-aqueça o forno a 200° graus. Forre um tabuleiro grande (todas as flores de couve-flor tem que dar no tabuleiro em uma camada) com papel manteiga ou alumínio.
  • 2. Retire as folhas da couve-flor. Corte as flores e descarte os caules mais duros. Ponha tudo numa vasilha grande. Junte o azeite, o tomilho, o sal e a pimenta. Misture bem- eu gosto de fazer isso com as mãos limpas- até ter certeza que o azeite umedeceu todas as flores. Espalhe no tabuleiro tomando cuidado para as flores não se sobreporem. É importante para que elas caramelizem direito. Asse no forno por uma hora aproximadamente ou até as pontas das flores estarem tostadas. Sirva assim ou com algum molho de iogurte ou tahini (meu preferido).

Outras Boas Dicas: Bolinhos Grelhados de Couve-Flor e Pudim de Couve-Flor e Gorgonzola

« Página anterior - Próxima página »